Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Sapo Rei na Beira do Mar’

um fragmento

“- “Por que é que as corujas não comem os sapos da Lagoa Azul?”
E a coruja sorriu, e o sorriso das corujas é muito esquisito, e respondeu:
– “Porque os duendes da beira da água ensinaram aos sapos da Lagoa Azul a arte de virar pedra, e se eu comer pedra vou quebrar meu bico.”

– “Mas se eu não virasse pedra você ia me comer?”, perguntou o Sapo Azul para o Coruja.
E a Coruja, que estava começando a gostar da conversa, respondeu:
– “Não. Porque eu quero aprender o segredo de como virar pedra. E você, Sapo. O que você quer?”

E o Sapinho Azul ficou feliz com a pergunta. E respondeu todo satisfeito, já esquecendo que quase virara comida de coruja:
– “Eu quero descobrir um lugar bem bacana pra morar. Não quero mais morar na Lagoa Azul”.
– “E por que você não quer morar mais na Lagoa Azul, Sapo?”, perguntou a Coruja, curiosa.

– “Porque eu quero conhecer o mundo. Quero morar em outros lugares, e conhecer outros bichos que nunca conheceria na lagoa.”, foi o que ele respondeu.
E a Coruja achou aquilo muito engraçado, mas gostou dos motivos do Sapinho. E então respondeu.
– “Então eu vou te levar pra onde você quiser. Mas primeiro você me ensina a virar pedra.”

E o Sapo Azul gostou daquela troca, e ensinou à coruja a arte de se transformar em pedra. E foi assim que a primeira coruja aprendeu o contra-feitiço que permitiu que as corujas começacem a comer sapos azuis da Lagoa Azul e duendes da beira da água, mas essa já é outra história.
O que importa é que depois disso, a Coruja pegou o Sapinho Azul nas garras de novo e os dois saíram voando pela noite.”

Read Full Post »